Os condenados - Andrew Pyper

by - dezembro 30, 2016


Os Condenados
Autor: Andrew Pyper
332 páginas
Darkside Books
Skoob: Bella Cordeiro

"Eu não poderia ter dado esse relógio para você, Danny. Impossível", ele disse. "Porque sua mãe foi enterrada com ele."

Depois de uma jornada incrível em "O demonologista" não poderia deixar de ler Os Condenados de Andrew Pyper.
Os Condenados nos convida para um universo estranho e misterioso do outro lado da vida, ou da morte.
Danny é irmão gêmeo de Ash. Sua mãe tivera um parto complicado que talvez pudesse ter causado a morte dos dois, porém um "milagre" aconteceu e ambos cresceram com vida e saúde, mas Ash...Alguma coisa aconteceu com ela, algo de outro mundo.

Danny sempre foi um rapaz sozinho, excluído ao contrário de sua irmã que era popular e querida por todos que a rodeavam. Após a morte de sua irmã gêmea, Danny não consegue ter paz pois sua irmã sempre o visita como um fantasma, atrapalhando seus sonhos e planos, dizendo que ele deveria ter ficado lá.


Danny é um homem solitário, sua mãe morrera afogada embriagada na banheira da própria casa e depois seu pai também o deixara.
Danny escrevera um livro " O Depois", contando sua experiência de quase morte e como é estar do outro lado e assim como ele foi para o mundo dos mortos, sua irmã Ash arrumou um jeito de vir para passear no mundo dos vivos e a cada dia se fortalece mais, podendo até tocar em Danny, o ferir e até mesmo o matar.

"Antes que me acontecesse algo mais estranho que morrer e voltar a vida.
Eu me apaixonei."

Danny encontra pessoas com quem constrói um vínculo duradouro, o que causa uma revolta em sua irmã morta, deixando-a mais violenta e cada dia mais presente com seu perfume de carne podre toda vez que aparece.
Danny entende que precisa dar um fim nisso e levá-la de volta ao mundo dos mortos, antes que ela matasse mais alguém.


"Seu rosto queimado, dilacerado pelo fogo. A pele levantada, o osso branco aparecendo. A carne de sua testa e suas bochechas penduradas por tendões."

A forma como Ash morre, e muitos outros mistérios como assassinatos que ela causou em vida, são um mistério que vão se revelando até a ultima página do livro.
A ansiedade em saber o que aconteceu e porque Ash agia daquela maneira, porque fazia coisas tão horríveis com pessoas, porque não sentia amor, compaixão, ou que ela era, são questionamentos que nos acompanham por toda essa viagem.


O livro é bom, fiquei um pouco confusa em entender o outro lado, o lado pós morte.
A história é contada em primeira pessoa e sempre deixa aquela sensação de estar o tempo todo do lado do protagonista, como num banco carona de um carro com quem ele conversa. <3

You May Also Like

2 comentários

  1. É a terceira resenha positiva que eu leio desse livro e vou ser sincera eu morro de medo de livro que tenha qualquer pega de terror mas esse to lendo tanto coisa boa sobre que acho que vou dar uma chance.

    http://www.coisasdemineira.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha, eu fiquei um pouco assutada, as vezes ouvia uns barulhos estranhos.. hahaha, brincadeira!
      Achei a leitura super tranquila, nada muito aterrorizante não.

      Excluir